Banner: Stressed-out brains - O cérebro stressado

Stressed-out brains – O cérebro stressado

CONVITE
A Reitoria, a Escola de Ciências da Vida e do Ambiente e a Escola Superior de Enfermagem convidam a Academia a participar na conferência / debate “Stressed-out brains”/”O cérebro stressado”, pelo Prof. Doutor Nuno Sousa.
A ter lugar no dia 3 de julho, pelas 10h30, na aula magna, a iniciativa insere-se no ciclo de conferências a propósito dos 40 anos de ensino superior (1973-2013) em Vila Real.
______________________________________________________________
NOTA BIOGRÁFICA
Nuno Sousa é Médico e Professor Catedrático na Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho. Obteve a licenciatura em Medicina em 1992, pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto, e o Doutoramento, em 2000, pela mesma instituição.
É Diretor do Curso de Medicina e Vice-presidente da Escola de Ciências da Saúde da Universidade do Minho. É Diretor do Centro Clínico Académico em Braga. É Presidente da Sociedade Portuguesa de Neurociências.
É Coordenador do Domínio de Investigação em Neurociências no Instituto de Ciências da Vida e da Saúde (ICVS) da Universidade do Minho. Supervisionou dezenas de alunos de Doutoramento e Mestrado. É membro de várias comissões de saúde e de investigação nacionais e internacionais.
Publicou mais de uma centena de artigos em revistas internacionais, entre as quais na revista Science. É membro do Conselho Científico da Fundação Bial. É Associate Editor da publicação Frontiers in Behavioral Neuroscience e membro da comissão editorial da Molecular Neurodegeneration. É revisor para múltiplas instituições, nomeadamente National Institute of Health (NIH), INSERM e Israel Science Foundation e revistas internacionais.
Recebeu os seguintes prémios pelas suas actividades de investigação: Prémios Grunenthal 2003 e 2007-Grunenthal Foundation, Prémio da Sociedade Portuguesa de Genética Humana 2010, os Prémios da Sociedade de Portuguesa de Neurociências 2010 e 2011, o Prémio Janssen Neurociências 2012 e a Medalha de Ouro do Ministério da Saúde em 2011.